segunda-feira, 8 de junho de 2009

Roger, Washington e Neto Baiano...

Falar de paixão clubística é tão complicado quanto falar de qualquer paixão, mas vou correr esse risco, muito em função de três pessoas que são torcedores ferrenhos do maior time do Brasil: o Vitória. Manuela, Ró e Joel, esse é para vocês, viu? Tudo isso porque essas pessoas, em conversa telefônica, logo após o "desastre do parque", ficaram me "zoando" por causa da minha preferência entre os três "goleadores" da equipe. Na verdade, a grande questão que se coloca é: qual dos três centroavantes do Vitória é o melhor, ou quem é o mais eficiente? Calma, não respondam ainda, eu sei o que vocês estão pensando neste momento!
.
Quando no fim do ano passado os dirigentes rubro-negros fizeram o "grande negócio da china" e enviaram Marquinhos e Willians recebendo em troca Washington e outros, algo muito estranho acontecia naquele momento, ora, todos vimos o grande campeonato que os dois primeiros fizeram, era trocar gato por lebre! Sabem por que? Vocês lembram qual foi o time que o centroavante (vesgo) Washington jogou no ano passado? Ró, que cantava pagode quando adolescente, ao telefone me perguntou por que o centroavante que considero o melhor entre os três não ficou no time que estava, e, sem me dar qualquer chance de resposta, foi logo dizendo que ele é muito ruim!! Pois é, o preferido do "pagodeiro", jogava, no ano passado, na Portuguesa, aquele mesmo que foi rebaixado para a série B! Fica, então, a pergunta: por que trocamos dois da série A por um da B? A grande verdade é que Washington é muito limitado, acho que não teria lugar nem naqueles babas antigos da Brejal! Talvez, por causa de Ró, jogasse nas peladas da Fazenda Grande do Retiro! Além de tudo isso, tem mais um agravante para a posição que ele joga: o maluco é zarolho, é vesgo! Quando chega na cara do gol, e tem que decidir qual é a verdadeira bola, já que aparecem duas à sua frente, demora tanto que o zagueiro adversário manda a bola para as arquibancadas!
.
O centroavante estrábico me serve de gancho para falar do segundo artista dessa conversa! Estou me referindo ao Neto Baiano! O que aconteceu é que Washington conseguiu ser reserva de um dos piores "goleadores" que vi jogar! Neto Baiano não é ruim, não! Ele é muito ruim! Sei que meus amigos, Joel, Ró e Manuela, vão dizer: "como ele pode ser tão ruim se é o "artilheiro" do Brasil?" Ora, meus camaradas, convenhamos que fazer gol no Atlético de Alagoinhas e naquele time feio de Itinga, que não preciso dizer o nome, não é tarefa das mais difíceis! Acho que o campeonato baiano deu ao Neto um status que ele não tem! Afirmo incisivamente que só será goleador em cima de times medíocres! A propósito, quantos gols o artilheiro do Brasil já fez nas quatro partidas que atuou pelo Brasileirão? UM, goleador de um gol só não pode! Para quem afirmou que iria ser o artilheiro do campeonato, não lhes parece muito pouco, camaradas rubro-negros?
.
Tudo bem, e quem é o melhor na minha opinião? É claro que vocês já sabem, já que descartei o Estrábico e o Filho do Júnior Baiano! Na verdade, Roger é um excelente centroavante! Quando disse isso, o Menino Ró logo me perguntou: "se é tão bom por que o Sport não ficou com ele?" Respondo que pela mesma razão que Leandro Domingues não ficou no Vitória! O Fluminense bancou seu futebol! O fato é que nem ele nem Domingues acertaram no time de Renê Simões, cruz credo, de triste lembrança para nós, não é mesmo? Mas isso não quer dizer que Domingues é ruim, não é Ró, Joel e Manuela? Eu vi os melhores momentos da partida! Nestes, é perceptível que o futebol de Roger é refinado, sabe driblar e passar mil vezes melhor que o "artilheiro" do Brasil e o Vesgo juntos! E tem mais, uma das bolas que ele cabeceou no primeiro tempo, brocou o gol do tal do "São" Marcos, mas nem o árbitro nem o bandeirinha viram, não sei o porquê! Podem me cobrar, caso o técnico o mantenha no time, esse sim, poderá vir a ser o artilheiro do Brasil, porque tem competência, tem futebol para isso, quem viver, verá...

6 comentários:

Rosenilton disse...

Tá ok prof,
Deus ajude que ele queime minha lingua, mais acho muito dificil.
Matador que se preza não vacila diante do goleiro, principalmente na sua "estreia".
Até o gol que não foi pq no deram ele perdeu,subiu só de cara e testou ao alcance do goleiro.
Pra mim colocando os três no liquificador não dá um.

Um beijo meu amigo pai.

Manoel Gomes disse...

Menino Ró, o que é isso? Nós já vimos várias atuações tanto de Washington quanto de Neto, concordo que ambos são muito ruins,mas não dá, pelo menos ainda para colocá-los no patamar de Roger, o cabra é bom, você vai ver, não se esqueça que falei que Bida era meu jogador, para mim tem lugar neste time, só não ver quem não quer! Agora tem uma coisa que não estamos levando em consideração. Para que o time jogue é preciso alguém escalá-lo, treiná-lo etc. não é possível que Domingues e Apodi só consigam jogar bem no Vitória, o esquema também é fundamental para que os caras desenvolvam seu futebol! Espere e verá! Senti falta dos outros dois rubro-negros, onde estão, Senhor Rosenilton?! Uns beijos, querido filho!

Manuela Cassia Silveira disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Quero dizer o seguinte: eu nem gosto do neto baiano (assim mesmo, minúsculo!), acho como vc mesmo diz, MUITO RUIM! Na verdade, era o único que tínhamos, o que nos restava era torcer para que fizesse os gols, nada mais.
Quanto ao zarolho, é ruim também!
Roger meu caro pai, me deixou estarrecida, mas quem torce para neto, talvez consiga torcer para ele.
Vou acreditar em vc e só me resta rezar para ele jogar bola, porque ontem, ele não fez o que centro avante faz, ou seja, BROCA os adversários. Principalmente se estiver cara a cara com o goleiro.

Te amoooooooooooooooooooooo
Bjos

Manoel Gomes disse...

Hummmm, apareceu mais uma rubro-negra!!!Só falta um dos homenageados, que talvez não apareça mesmo,rsrsrs É verdade, centroavante tem que brocar, quem sabe não seremos aqueles que vão quebrar a invencibilidade do Internacional no Brasileirão, no Beira-Rio, com um golllllllllllll de Roger aos 48 do segundo tempo?rsrsrsrsrsrs, Vocês sabem melhor do que eu que para quem torce, tudo é possível,rsrsrsrsrsrs amo vocês!!!!
ah, ia-me esquecendo, o Menino Ró mostrou a foto...tem gente que vai ser banida,rsrsrsrss

Manuela Cassia Silveira disse...

Epaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa
48 minutos do segundo tempo no beira rio??????????
Não sei se tenho coração para aguentar isso, mas nós VAMOS quebrar a invencibilidade deles, vamos sim...
Ahhhhh vou providenciar a foto kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
bjos

Welington Silva disse...

Grande Mano e demais.

Independente dos centro-avantes e da derrota, o início do campeonato mostra um Vitória se empenhando, tentando acertar principalmente no setor em que mais tem déficit nos últimos anos: a defesa.
Claro que não temos nenhum meio de campo de encher os olhos e isso contribui e muito para uma defesa "insegura". Se não fosse o Vanderson, não sei o que seria do Vitória nos últimos anos.
Agora é torcer, sem nenhuma ingenuidade, pois sabemos das deficiências do time, para que o Vitória imponha um ritmo que o deixe na zona da libertadores. Sonho? É. E o que seria de nós sem ele?

Beijão irmão!!!